Imprimir esta página

Quem são os residentes selecionados para a edição deste ano do Programa de Capacitação em Pesquisa Clínica

Notícias Segunda, 10 Junho 2019 15:55
Avalie este item
(0 votos)

Angelo Borsarelli Carvalho de Brito, R1 do A.C.Camargo Cancer Center (SP), e Aline Barros Pinheiro, R3 da Santa Casa da Bahia – Hospital Santa Izabel, são os residentes selecionados para o Programa de Capacitação em Pesquisa Clínica da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC). O objetivo é que os selecionados conheçam, in loco, o Centro de Pesquisa em Oncologia do Hospital de Caridade de Ijuí (RS) – Oncosite, referência nacional em pesquisa clínica. Serão três dias de imersão na instituição, entre 17 e 19 de junho. As inscrições para residentes foram encerradas em 26 de abril, mas o Programa ainda tem inscrições abertas para jovens oncologistas de todo o Brasil no período de 10 a 28 de junho.

Natural de São Roque (SP), Dr. Angelo fez a graduação e a residência na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). No primeiro ano da faculdade surgiu o interesse pela pesquisa. “Eu tinha muita curiosidade sobre os estudos e novas possibilidades na medicina. E, como a Unicamp incentiva muito a pesquisa, tive bastante contato com essa área”, conta o médico. Ainda no primeiro ano da residência em oncologia clínica, ele nunca tinha ouvido falar sobre o trabalho realizado em Ijuí. Teve o primeiro contato no momento em que leu o edital do Programa e ficou impressionado com a história da instituição que superou as adversidades e atualmente é responsável pelo maior número de estudos em andamento no país. “Quero muito conhecer o Dr. Fabio Franke, vice-presidente da SBOC para Pesquisa Clínica e Estudos Corporativos e fundador do Oncosite. Quero entender como ele criou tudo aquilo e chegou onde está hoje. E, claro, conhecer os caminhos para que eu possa aplicar aonde eu for atuar.”

Dra. Aline, que nasceu em Alagoinhas, no interior da Bahia, e faz residência em Salvador, também quer absorver o máximo de conhecimento e fortalecer a pesquisa clínica em seu local de trabalho. Ela conta que seu interesse pela pesquisa surgiu durante a graduação na Universidade Federal da Bahia, quando fez parte de grupos de pesquisa voltados para cânceres de mama e urológicos. “Ter feito parte desses grupos despertou em mim a vontade de conhecer os problemas da população e assim poder traçar estratégias para ajudar à sociedade". Ela já tinha ouvido falar sobre o trabalho pioneiro da equipe de Ijuí por meio dos relatos de participantes de edições anteriores e estava ansiosa pela edição deste ano. Informa que está contando os dias para o início do Programa pois acredita que isso contribuirá muito para seu crescimento profissional e também pessoal , uma vez que as pesquisas podem melhorar a vida das pessoas. “Estou honrada em ter sido selecionada e em poder conhecer de perto uma instituição referência e bem estruturada, apesar de todos os entraves burocráticos que atrapalham a pesquisa no Brasil. Tenho certeza de que voltarei ainda mais motivada para aplicar na minha região todo o conhecimento adquirido”, conclui.

Clique aqui para saber mais sobre as inscrições para jovens oncologistas, de 10 a 28 de junho.

Última modificação em Segunda, 10 Junho 2019 16:03