Notícias

Estamos temporariamente sem linha telefônica fixa. Entre em contado pelos seguintes canais, Whatsapp: 11957770292, E-mail: sboc@sboc.org.br, Celular: 11956399293 Estamos temporariamente sem linha telefônica fixa. Entre em contado pelos seguintes canais, Whatsapp: 11957770292, E-mail: sboc@sboc.org.br, Celular: 11956399293

Médica Marisa Madi assume diretoria executiva da SBOC

Notícias Quinta, 09 Dezembro 2021 19:58
Avalie este item
(0 votos)

Médica especialista em administração de saúde com vasta experiência na gestão da saúde no estado de São Paulo, Dra. Marisa Madi é a nova diretora executiva da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC). Ela foi nomeada pela Diretoria da entidade cuja gestão, presidida por Dr. Paulo Hoff, iniciou-se no último mês de novembro (veja vídeo da cerimônia de posse ao final da página).

Graduada em 1994 pela Escola Paulista de Medicina, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Dra. Marisa Madi direcionou sua formação médica para a gestão da saúde já nas suas primeiras especializações, em Administração Hospitalar, pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP) e pela Escola de Administração de Empresas da Fundação Getúlio Vargas (FGV). No mestrado, pela Universidade Estadual Paulista (Unesp), e no doutorado, de volta à FMUSP, dedicou-se a estudos sobre os serviços públicos de saúde do estado de São Paulo.

Aliando teoria e prática, Dra. Marisa atua na gestão de hospitais públicos e privados filantrópicos há mais de 20 anos, os últimos deles como diretora executiva do Instituto do Coração (InCor), ligado ao HC-FMUSP. Antes, entre 2011 e 2014, como diretora executiva do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (ICESP), foi uma das responsáveis pela organização da rede oncológica paulista do Sistema Único de Saúde (SUS), a Rede Hebe Camargo de Combate ao Câncer. Foi quando trabalhou pela primeira vez com Prof. Dr. Paulo Hoff, diretor-geral do ICESP desde então, estabelecendo uma parceria profissional que ambos desejam repetir na SBOC.

“A experiência muito bem-sucedida da Dra. Marisa Madi com a oncologia vai além das conquistas no ICESP, passando pelo seu olhar atento e dedicado com paciente e os profissionais responsáveis pelo seu cuidado – algo que testemunhei ao longo de toda a parceria que estabelecemos e que tenho certeza de que será trazido para a SBOC”, diz o presidente da entidade.

Essa parceria foi fundamental, conta Dra. Marisa, para estabelecer seu vínculo com o cuidado oncológico, especialmente por conta de sua atuação como secretária-geral no Comitê Estadual de Oncologia, coordenado por Dr. Paulo Hoff e formado por representações da Secretaria de Estado da Saúde, da Fundação Oncocentro de São Paulo e do próprio ICESP.

Ao longo de quatro anos, esse comitê foi responsável pela elaboração de um plano diretor de oncologia para o estado, que possuía, então, 72 unidades habilitadas no SUS para tratamento oncológico, entre Centros de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (CACON), Unidades de Assistência de Alta Complexidade (UNACON) e hospitais para cirurgia oncológica.

“Foi uma verdadeira peregrinação por diversos municípios do estado, levando aos gestores e profissionais da saúde a ideia de trabalho em rede, de um padrão de atendimento único para o cuidado oncológico no SUS”, lembra Dra. Marisa Madi.

Legados na oncologia

O trabalho do Comitê Estadual de Oncologia de São Paulo resultou, entre outras conquistas, na definição de um manual de conduta em oncologia para o SUS e congressos anuais para atualização do documento. “Tais condutas precisavam considerar que estavam inseridas na rede pública, lidando com um universo restrito de incorporações. O manual deu ferramentas à secretaria para a incorporação de oncológicos antes do Ministério da Saúde, com impactos como a redução da judicialização”, orgulha-se.

Agora, Dra. Marisa pretende trazer toda essa experiência em saúde para a SBOC. “Há um movimento social importante a ser feito na área, de fortalecimento do oncologista clínico brasileiro no cuidado da população diante de uma doença que está cada vez mais próxima de muitos de nós, e chego à SBOC com esse propósito”, avalia.

Voltar a trabalhar diretamente com Dr. Paulo Hoff, conta Dra. Marisa, também é animador. “Trata-se de um médico e gestor que compra as brigas dos oncologistas clínicos e de seus pacientes, e estamos juntos nessa, mais uma vez.”

Entre as primeiras ações como diretora executiva, Dra. Marisa elenca a integração das representações regionais, que passaram por uma importante reformulação em 2021; aprimoramentos na governança da entidade; e a união de esforços para uma nova e histórica mudança na realização do Congresso SBOC – que passará, já em 2022, a ser anual. “Recebemos uma SBOC profissional, com grandes transformações consolidadas e uma equipe interna formada por gente jovem, arrojada e engajada; agora, o trabalho é para explorar os potenciais dessa profissionalização e alcançar novos horizontes”, anima-se.

 

 

Última modificação em Quinta, 09 Dezembro 2021 20:35

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Pesquisar

Banner Portal Takeda Pro

Apoiadores:

Banner Takeda